O grupo PACCAR

DAF-Linha-PACCAR-940DAF-PACCAR-buildingCom uma história de mais de 100 anos de trabalho e sucesso, hoje a PACCAR Inc é um fabricante mundial de caminhões leves, médios e pesados, que oferece serviços financeiros e distribui peças de veículos comerciais. É a número 4 do mundo ocidental em vendas e, em 2013, alcançou seu 75º ano consecutivo de lucro líquido, algo único no setor automotivo.

Mas o empreendimento PACCAR começou no início do século XX. Em 1905, o pioneiro William Pigott fundou a Seattle Car Mfg Co., para produzir equipamentos para a indústria madeireira e ferroviária, em sua fábrica em West Seattle. A empresa, mais tarde, se fundiu com uma indústria de Portland para se tornar a Pacific Car and Foundry Company, nome que manteve durante os 55 anos seguintes.

Paul Pigott, filho do fundador, assumiu o controle majoritário em 1934 e expandiu a base de produtos, introduzindo a Carco, uma linha de guinchos pesados de aplicação madeireira. Seria essa a plataforma para a PACCAR’s Winch Division, e que agora já inclui as marcas Braden, Carco e Gearmatic.

paccar railMas foi somente ao final da guerra, em 1945, que a companhia entrou no mercado de caminhões pesados, com a importante aquisição da Kenworth Motor Truck Company, de Seattle. A Pacific Car and Foundry expandiu ainda mais seus interesses em caminhões pesados com a aquisição da Peterbilt Motors Company, em 1958. No mesmo ano, comprou a Dart Truck Company e entrou no mercado de veículos de mineração.

Em 1960, a PACCAR tornou-se uma fabricante internacional de caminhões. A Kenworth instalou-se no México, com 49% de participação na afiliada Kenworth Mexicana S.A. de C.V. e, em 1966, montou uma planta Kenworth Truck próximo a Melbourne, Austrália. Ainda em 1960, a Carco Acceptance Corporation, hoje PACCAR Financial Corp., foi criada para facilitar as vendas domésticas de caminhões.

Em 1967, surgiu a Dynacraft, para fornecer correias, mangueiras, adaptadores e outros acessórios para as fábricas de caminhões Kenworth e Peterbilt.

A Kenworth Australia inaugurou, em 1970, um novo complexo de fábrica e escritórios para produzir, inicialmente em regime de CKD.

A nova identidade
Em 1972, com a diversificação promovida em suas atividades, a direção da companhia concluiu que o nome Pacific Car and Foundry Company já não refletia mais com a necessária precisão seus produtos e atividades.

paccar space needleIsso levou à adoção do nome PACCAR Inc (sem pontuação) como nova denominação. E a Pacific Car and Foundry Company, mantida na fábrica original de Renton, tornou-se uma divisão.

Em 1973, foram criadas duas importantes divisões da Companhia: PACCAR International Inc., em Bellevue, Washington, para consolidar as vendas e serviços em outros países, e a PACCAR Parts Division, em Renton, para atender o suprimento de peças no pós-vendas.

A diversificação continuava na Companhia e a PACCAR Leasing Corporation foi formada em 1980, para oferecer programas de leasing e aluguel por meio da rede de distribuidores PACCAR. Pouco tempo depois, em 1982, a PACCAR deu seu primeiro passo para tornar-se um fabricante europeu de caminhões, com a aquisição da Foden Trucks, de Sandbach, no Reino Unido.

A PACCAR solidificou sua presença no mercado mexicano comprando a parcela restante de sua operação em 1995. A aquisição da DAF Trucks N.V., em 1996, e da Leyland Trucks, em 1998, solidificou sua posição como um dos grandes fabricantes mundiais de caminhões.

A DAF Trucks está baseada na Holanda, com fábricas em Eindhoven, Holanda e Westerlo, Bélgica. A Leyland produz caminhões nas faixas de 6-18 ton em Lancashire, Inglaterra.

A Kenworth Truck Company atua principalmente nos mercados dos EUA, Canadá, México e Austrália, além de exportação. E a Peterbilt Motors tem seu foco nos EUA e Canadá.

A DAF Trucks produz caminhões na Holanda, Bélgica, Reino Unido e, agora, Brasil, para atender os mercados da Europa, Ásia, África e Américas.

 

Compartilhar esta página

Nós convidamos você a compartilhar esta página